As lutas autogestionárias no leste europeu

Claudio Nascimento

R$ 15,00

Este Livro de Bolso analisa – de forma sintética – o ciclo de lutas autogestionárias no Leste europeu. Originalmente foi publicado com o título “Leste europeu: a dialética da „revolução passiva‟” e faz parte do meu livro “Do Beco dos Sapos aos canaviais de Catende” (Marília: Editora Lutas anticapital, 2019).

Os vários ciclos de lutas operárias no Leste europeu exigem uma certa caracterização deste processo de „longa duração‟, pois inicia-se nos anos 1950 e vai até a década de 1980. O socialismo estatal burocrático, implantado no leste europeu no pós Guerra, foi diversas vezes contestado de forma radical pelos trabalhadores. Desde 1953, ano da morte de Stalin, até a revolução do Solidarnosc polonês, em 1981 e a queda do Muro de Berlim, em 1989.

Comments are closed.