Tecnologia para o desenvolvimento social: Diálogos Nides-UFRJ

Flávio Chedid Henriques, Felipe Addor, André Malina e Celso Alexandre Alvear (Organizadores)

R$ 35,00

Este livro comemora os cinco anos do Núcleo Interdisciplinar de Desenvolvimento Social (NIDES) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Ele apresenta desenvolvimentos teóricos e análises de experiências de pesquisadores desse e de outros núcleos latino-americanos que buscam a emancipação dos povos por meio de uma democracia radical.
São trabalhos que têm como princípio a autogestão nos movimentos e empreendimentos, a ação participativa na pesquisa, a emancipação na educação, a finalidade social na tecnologia, a agroecologia no campo, e a diversidade e os saberes locais nos territórios.
Os textos estão divididos em eixos temáticos, que discutem desde o que significa e como chegar ao desenvolvimento social, as tecnologias necessárias para atingi-lo, o trabalho e a educação em territórios, até como se dá a participação de povos tradicionais e as dinâmicas de raça e gênero na área tecnológica.
As experiências realizadas com olhos na utopia podem ter riquezas de ensinamentos que devem ser compartilhados. Para isso, não basta relatá-las: é necessário analisar seus acertos e erros, examinar como continuá-las, como sistematizá-las, e comparar essas sistematizações com as de outras experiências, sempre no sentido de aprender com nossas práticas.
A publicação dessas experiências e de suas análises, com a indicação dos textos que serviram de base teórica para seu desenvolvimento, tem este objetivo: comunicar e abrir para contribuições dos leitores no sentido de novas sistematizações.
Neste momento em que há o risco de um grande retrocesso no Brasil, mais do que nunca devemos nos preocupar em analisar as origens desse recuo, que parece se repetir de tempos em tempos. Como impedi-lo?
Certamente a possibilidade de avanços na sociedade brasileira com estabilidade depende da organização dos movimentos sociais pela base, em uma perspectiva socialista democrática.
Assim, as experiências analisadas neste livro são adequadas para refletir sobre o momento atual e sobre como impulsionar novas experiências e organizá-las em redes solidárias.
Há muito a fazer, mas já há muito realizado.

Antônio Cláudio Gómez de Sousa
UFRJ

Livro Completo em PDF

Comments are closed.